CTESC

O Centro de Treinamento e Simulação em Cardiologia (CTESC) Dante Pazzanese está vinculado ao Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia e à American Heart Association (AHA).

Tem como objetivo a capacitação de profissionais da área da saúde e de leigos por meio de cursos específicos de acordo com o perfil e necessidade da cada aluno.

Na metodologia de ensino é utilizada, quase que exclusivamente, a simulação realística utilizando manequins de simulação que refletem os pacientes no mundo real. A atuação de instrutores, como facilitadores no aprendizado, direciona a ação de tomada de decisão do aluno em cada situação de emergência médica a ser treinada. Por meio de um treinamento essencialmente prático, onde o aluno é inserido em situações do mundo real, o aprendizado é dirigido com a finalidade de que cada aluno tenha, ao final do curso, a capacidade de:

  1. Identificar o problema
  2. Agir imediatamente de acordo com a situação encontrada
  3. Atuar de forma segura e sistemática até a chegada da equipe de suporte mais avançado.

Um dos momentos mais importantes do treinamento em simulação realística é a discussão do que foi utilizado para a análise e reflexão do que foi vivido durante a simulação.

O CTESC ministra os cursos de ACLS (AdvancedCardiac Life Support), BLS (Basic LifeSupport), Primeiros-Socorros e RCP / DEA (Ressuscitação Cardiopulmonar / Desfibrilador Externo Automático) proporcionando uma experiência focada na simulação.

Para a realização dos cursos é utilizado o auditório com quatro estações de simulação avançada equipados com cardioversores e manequins avançados que simulam e oferecem diversas possibilidades para prática dos ensinamentos ministrados.

A simulação aplicada ao ensino em saúde é uma técnica destinada a substituir experiências de pacientes reais por experiências orientadas, reproduzidas artificialmente em cenários ou manequins, evocando aspectos do mundo real de maneira interativa.

A educação continuada e o treinamento associado à simulação permitem criar novos métodos de aprendizado, sem colocar os pacientes sob risco, e estão entre as mais eficazes armas para melhoria da qualidade assistencial.  O funcionamento perfeito desses manequins é requisito fundamental para realização do curso.

Ainda, é mantido pela Fundação um contrato de seguro para cobertura dos auditórios do Centro de Treinamento do IDPC.